Saiba como ler os rótulos dos alimentos que você leva pra casa

5 Mar 2018

Em época onde comer bem é sinônimo de saúde ( o que sempre deveria ser), a indústria alimentícia tenta adaptar os seus produtos, mas nem sempre para torná-los saudáveis. Nas prateleiras dos supermercados vemos várias embalagens com os famosos: “sem glúten”, “sem lactose”, “light”, “funcional”, “integral” dentre muitas outras frases. Mas não dá para confiar nas embalagens, é importante ler e entender os rótulos dos alimentos. Vamos desvendar os segredos dos rótulos para colocar no nosso armário alimentos mais saudáveis.

 A lista de ingredientes aparece em ordem decrescente

 

Para entender a quantidade dos ingredientes é só seguir a lista: o primeiro é o que está em maior quantidade, enquanto o último produto da lista está em menor quantidade. Se o produto se diz integral, mas possui como ingrediente farinha de trigo refinada, fique atento, algo está errado.

 

O açúcar pode estar disfarçado com outros nomes

 

Existem várias denominações para o açúcar, escondido nos produtos. Pode vir como SACAROSE, FRUTOSE, MALTODEXTRINA, DEXTROSE, XAROPE DE MILHO, XAROPE DE MALTE, AÇÚCAR INVERTIDO, XILOSE e alguns outros. Só por isso já vale uma leitura mais atenta.

 

Não se iluda com as calorias

 

O fato de conter menos calorias, ou ser light, ou ter percentual reduzido de gordura, não significa que o produto esteja mais saudável que a opção regular. Para reduzir as calorias pode haver a troca de ingredientes por adoçantes artificiais e outros conservantes que não são nada saudáveis. Só para você entender melhor, um cheeseburger (de fast food) equivale às calorias de uma abacate médio.

 

Atenção aos nomes dos ingredientes que você não conhece

 

Alguns ingredientes são conservantes, adoçantes, açúcares, corantes, todos produzidos com muitos compostos químicos, o que deixam a alimento muito processado e reduz drasticamente os minerais e vitaminas essenciais. Então quando se deparar com nomes dos tipos BHT (Butil-hidroxianisol butilado), BHA (hidroxitolueno) Bromato de Potássio, Glutamato Monossódico, guanilato dissódico, inosinato dissódico, dextrose, antiumectantes/antiaglutinantes, dióxido de silício, fosfato tricálcico, acidulantes, maltodextrina, diglicerídeos e tantos outros, pode desconfiar do quão saudável é esse produto. Se aparecer números ou ingredientes em caixa alta, desconfie, provavelmente deva ser outros químicos.

 

Uma dica que vale muito é: Quanto menor o número de ingredientes, possivelmente mais saudável é o produto.

 

Agora quer deixar de comer produto alimentício e comer alimento? Então estes não tem rótulos, não tem data de validade, nem tampas, nem estão em gôndolas.

Please reload

CATEGORIAS

Please reload

TAGS

OUTRAS MATÉRIAS

Please reload

SGAS 614, lote 99, salas 122,124 e 126 

Edifício Vitrium - Brasília

veja no mapa

Meu título conteúdo da página